Não sou sem ti

 
Posso dormir toda a noite sob um céu infinito 

amanhecer na praia com os cabelos deslaçados

entre o sono e o prazer. 
Posso ter um braço de homem a rodear a minha cintura 

acordar com um beijo delicado

acolhedor como um velho casaco. 
Posso negar que queima 

porque o teu sono se desprendeu do meu 

feito pássaro de asas de prata 

que persegue um país distante. 
Posso desfazer-me da solidão  

como marinheiro se desfaz da velha âncora

mas ninguém mais amor me povoa o sonho

nele me esconde em seus braços, 

roubando-me o sossego.

Apenas tu. 
Posso até fingir, 

afogar-me num abismo de orgulho e de silêncio

iludir com o sorriso

mas não sou sem ti.
HFG


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s