Novas do reino da Dinamarca

Respiro fundo e dou um mergulho cibernético. Leio que em Copenhaga abriu o primeiro supermercado gratuito. Os clientes podem levar para casa sem pagar dez produtos desde que não repetidos.
O Freemarket existia na internet há mais de um ano e agora abriu a sua primeira filial física. Mas é tudo mesmo de graça? “Jein”, como diriam os alemães. Quem quer beneficiar dos produtos gratuitos tem de se inscrever na internet e pagar mensalmente 19 coroas (cerca de 2,50 euros). Parece pouco, porém para cada produto gratuito existe uma contrapartida. Se o cliente levar uma garrafa de champanhe terá de “postar” uma fotografia no Instragram, se leva chocolates responde a um questionário. Tenho uma relação estranha com este tipo de coisas, mas também tinha uma relação estranha com o Facebook e rendi-me.
Os próximos Freemarkets deverão abrir na Noruega, Holanda e aqui na Alemanha. Talvez valha a pena experimentar.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s