Aleluia, aleluia

 A Igreja católica alemã decidiu hoje autorizar nos hospitais que gere a distribuição da pílula dita do “dia seguinte” como contraceptivo de emergência às mulheres vítimas de violações.

Esta posição da Igreja alemã, tomada durante a Conferência Episcopal em Trier, surge depois da polémica criada, no final de janeiro, pela decisão de recusar este tratamento a uma mulher violada, em Colónia. “As mulheres vítimas de violações têm naturalmente direito a uma ajuda humana, médica, psicológica e espiritual.

Neste quadro, a administração de uma ‘pílula do dia seguinte’ é possível, na medida em que tem um efeito contraceptivo e não abortivo”, de acordo com um texto divulgado pelos bispos alemães.

 

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s