O amante é sempre o último a saber

Gosto dele desde o dia em que li o Hotel Lusitano numas férias de Verão. Gosto do humor inteligente, da irreverência da escrita, da forma como cruza episódios burlescos com as grandes questões, como equilibra profundidade e superfície e como vira os enredos às avessas.

O Rui Zink conjuga muitas das características que gosto num escritor: curiosidade pelo humano, empatia, um estilo individual, capacidade de criar personagens complexas e ambição na escrita. E não perde a candura, nem se desencanta. Diria mesmo que não tem receio de mostrar “um interior altamente feminino”.

Tive o privilégio de receber da sua mão, acabadinho de ser publicado, “O Amante é sempre o último asaber”.  Devorei-o entre Lisboa e Bona sem conseguir descolar os olhos das páginas. Há muito que queria escrever um post sobre o romance aqui para o blog. Porém, depois de ler o  belo texto a Lídia Jorge escreveu no DN perdi a coragem. Resta-me a citação.

 “ Pelo menos é assim que eu leio a história desta Teresa, mulher personagem, que faz escorregar atrás de si a cauda dos defeitos comummente associados à frieza de certo tipo de mulheres vencedoras. A história da mulher absolutamente moderna, e mesmo futura, chamemos-lhe assim, até ao momento em que a história do filho morto, quase morto, ou ainda vivente por obra da nova tecnologia, mostra que no meio desse realejo de eficácia existe lá no fundo um pedaço de coração.  Como se sabe, laboratório, tecnologia – e a nano tecnologia, então – raramente criam poéticas acolhedoras, ou se as criam, elas permitem uma transfiguração desalmada. Que me perdoem, mas Orwell e Huxley, também. Ora o que é curioso neste, e noutros livros do Rui Zink, é que a alma está por toda a parte, porque o texto é atravessado por uma humanidade terna, como se nas suas páginas ninguém ainda tivesse desistido de ser feliz. Este livro está repleto desse feitiço”.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s