Bibliocausto

Alguns imbecis de cabeça a tiracolo metem-nos numa deep s***. Estou a falar de um extremista norte-americano, o pastor Terry Jones, que num acto de vandalismo decidiu julgar, condenar e queimar o Corão. A dessacralização de um livro sagrado teve o seu preço de sangue. A milhares de quilómetros da Florida. Num país de beleza agreste e gentes de feições esculpidas pelo tempo que fazem capa na National Geographic. A orgia de violência de violência contra as Nações Unidas no Afeganistão lembra-nos que o pais apenas mudou à superfície, pois no fundo, continua a ser o que sempre foi, um país onde o radicalismo islâmico é intempestivo e bestial.

Leia-se o Corão, critique-se, questione-se, goste-se, despreze-se, mas não se vandalize. Não há liberdade de expressão, nem religiosa que o justifique, assim como não há absolvição possível para a barbárie islâmica.

Penso que foi em 2004 que Fernando Báez publicou a “História Universal da destruição dos livros”. Nessa obra ele  descreve, com um detalhe que gela o sangue, milénios de destruição de livros. Por motivos políticos, religiosos, morais, culturais. Da Biblioteca de Alexandria, ao fogo do Santo Ofício, na Europa e no Novo Mundo. Da queima de livros pelos nazis à destruição ou confiscação de milhares de obras durante as purgas soviéticas, as perseguições da Grande Revolução Cultural de Mao e dos seus Guardas Vermelhos. E sempre que se destruiu um livro pagou-se um óbolo de sangue.

Alguém devia dizer a Terry James que “onde se queimam livros acabarão por se queimar pessoas”, palavras sábias do poeta Heinrich Heine.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s