A Guiné vista por quem gosta muito dela

 

Fotografia roubada ao blog de Helena Costa, Bissau-Lisboa-Bissau, com a devida vénia.

Quando a vida se restringe ao essencial, há poucas coisas à nossa volta e elas ganham uma importância acrescida. Na tabanka as casas estão despojadas, sem móveis, com raros objectos de adorno. Se exceptuarmos os adereços com significado religioso todos os outros objectos são utilitários, ligados à confecção da refeição, à higiene pessoal, à recolha e transporte da água, à lavagem da roupa e pouco mais. Porque de pouco mais é feita a vida.

O alguidar é talvez o objecto mais indispensável de todos. É usado ao fim do dia para o banho de caneco, um ritual a que se dá a maior importância numa terra sem água nas habitações. Os europeus mais tarde ou mais cedo acabam por ter essa experiência que certamente já deu que pensar a muitos deles. Por mim, espantei-me com a pequena quantidade de água necessária para um banho e passei a ter ainda menos condescendência para quem toma duches de meia hora como se o dia que começa só pudesse ser enfrentado com os miolos encharcados.

Helena Costa , in Bissau-Lisboa-Bissau ( um blog que vale muito a pena)

http://bissau-lisboa-bissau.blogspot.com/2010/04/objectos-indispensaveis-o-alguidar.html#comment-form


One thought on “A Guiné vista por quem gosta muito dela

  1. Olá Helena
    E eu que não conhecia o seu blog! Como havia eu de adivinhar a existência dele? 🙂
    Muito obrigada pela referência. Senti-me muito lisongeada pela atenção.
    Grandes abraços.
    Espero que a sua visita a Bissau esteja a correr bem. Espero ansiosa pelas notícias dela.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s