Os perseguidos

Há muitas Malásias: a do cartão postal, das praias paradisícas, das Torres Petronas.E há a outra.

Passei uns dias  de Verão  em Kuala Lumpur, uma cidade cheia de energia e progresso, abraçada por uma linha de arranha-céus espelhados que cobrem a linha do horizonte. Fiquei  fascinada  com a coexistência pacífica entre muçulmanos, cristãos, induístas e budistas. Visitei livremente templos, igrejas e mesquitas, acompanhada por uma amiga malaia muçulmana e por um guia hindú.

Agora a Malásia está a ser sacudida por uma onda de intolerância e os cristãos tornaram-se num grupo religioso perseguido. O mais  perseguido em todo o mundo. Cem milhões  de cristãos são discriminados, proibidos de construír igrejas, espancados, ameaçados por vezes assassinados. No Egipto, na Algéria, na Turquia, na Indonésia, na Malásia, no Laos, na China, no Vietname.

A Der Spiegel ( em inglês, para quem não lê em alemão) publica um extenso artigo sobre esta questão.

http://www.spiegel.de/international/world/0,1518,680349,00.html


One thought on “Os perseguidos

  1. E o Cristianismo voltou a dar o exemplo quanto à tolerância religiosa diz respeito. Perante os recentes assassinatos de cristãos no Egipto, na Nigéria e nas Filipinas, perante as constantes perseguições dos seus crentes na Síria, no Sudão, no Iraque, no Irão, na Coreia do Norte e na China, perante o silêncio da “esquerda protectora dos mais fracos e das minorias oprimidas”, o chefe máximo da Igreja Católica, tantas vezes criticado, não decreta uma guerra santa, antes, aplica os ensinamentos de Cristo e dá a outra face ao apelar à não-violência e à liberdade religiosa. Esta gente não respeita nem se dá ao respeito, mesmo que usufruam da liberdade que o seu país de origem insiste em negar aos outros: podem construir mesquitas em locais tão insensatos como o Ground Zero, em Nova Iorque e, na Europa, discutem a possibilidade de aplicar minaretes nas mesmas ao mesmo tempo que as suas mulheres são escondidas em trajes humilhantes.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s